Talvez um dia, não tão longe de hoje, as redes sociais deixem de existir. E, se deixarem, fica este blog vivo, com algumas postagens minhas que talvez valham a pena – ou, muito provavelmente, não.