-…e essa é toda a minha história com a sua mãe.

 

– Tá falando a verdade? Promete?

 

– Prometo.

 

– Então tá bom… Eu te ajudo a enterrá-la.